Porco ou Galinha – Comprometido ou Envolvido

Porco ou Galinha- Comprometido ou Envolvido

O porco e a galinha estavam passeando pela fazenda quando o fazendeiro apareceu e lançou o seguinte desafio aos dois:

“Vocês serão os responsáveis por preparar um café da manhã diferente para mim a cada dia pelas próximas duas semanas. Se vocês falharem, no caso de não variarem o cardápio, eu mesmo preparei o meu café da manhã que sem opção será ovos com bacon.”

Ambos, tanto o porco quanto a galinha, ficaram super empolgados em cumprir a missão de preparar os cafés da manhã diferentes a cada dia nas próximas duas semanas, e assim começaram.

Nos primeiros dias tudo correu bem, o porco sempre muito pró-ativo, já começava o dia pensando no menu do próximo dia, separando ingredientes, planejando as tarefas necessárias, controlando o tempo de cada tarefa, inovando na forma de preparar, sempre com o objetivo bem claro de cumprir a meta estipulada, e sempre contando com a ajuda da galinha que cumpria todas as tarefas que lhe eram atribuídas.

Com os passar dos dias as receitas foram ficando cada vez mais complexas e o porco gastava a maior parte do seu tempo preparando o menu do dia seguinte, deixando de ter tempo para atribuir as tarefas a galinha que por sua vez passava o tempo livre bicando o chão e procurando minhocas.

Com isso o porco cada vez tinha menos tempo disponível, e se via obrigado a trabalhar ainda mais para cumprir as metas estabelecidas pelo fazendeiro. Até que um dia, antes do prazo de duas semanas terminar, o porco não conseguiu preparar o café da manhã diferente, principalmente devido a sua exaustão e cansaço acumulado, e falhou.

Ao ver o não cumprimento do objetivo pelo porco e pela galinha, o fazendeiro foi preparar o seu próprio café da manhã, declarando em alto e bom som aos seus empregados:

ovos-baconMatem o porco para fazer bacon e tragam os ovos da galinha!”

Você é ovos ou bacon?

Publicado em Sem categoria | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

MEDO…VOCÊ JÁ ENFRENTOU O SEU?

LIFE & EXECUTIVE COACH BY FRANK HONJO

medo

EM ALGUMA FASE DA SUA VIDA, O MEDO JÁ ESTEVE PRESENTE E TE PARALISOU?

Segundo Napoleon Hill (1883-1970) no seu mais famoso livro: “Think and Grow Rich”, ele pontua 6 grandes medos básicos que afetam todo o ser humano em algum momento da vida. São eles:

-O medo da pobreza
-O medo da crítica
-O medo de doenças
-O medo da perda do amor de alguém
-O medo da velhice
-O medo da morte

Que tipo de medo, mais te perturba?

Lembre-se de nunca esquecer de lembrar, que o medo na verdade é um estado mental, ele pode te paralisar, mas só você poderá permitir que esse estado domine você.

Existe algum medo que deixa você paralisado e sem ação? Quando esse medo aflora em você?

Agora, como sair da paralisia quando o medo aparece?

Com exceção do medo da morte tente imaginar que foi inevitável você atingir o estado…

Ver o post original 62 mais palavras

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

VOCÊ FAZ O QUE AMA NO TRABALHO?

VOCÊ FAZ O QUE AMA NO TRABALHO? Só quem resonder sim, oferece de fato, UMA GRANDE EXPERIÊNCIA AO CLIENTE. Veja o vídeo no link

Fonte: VOCÊ FAZ O QUE AMA NO TRABALHO?

Publicado em Sem categoria | Marcado com , , | Deixe um comentário

A fábula do Rato

a fábula do ratoUm Rato, olhando pelo buraco na parede, vê o fazendeiro e sua esposa abrindo um pacote. Pensou logo no tipo de comida que haveria ali.
Ao descobrir que era uma ratoeira ficou aterrorizado.
Correu ao pátio da fazenda advertindo a todos:
– Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira na casa!!
A Galinha disse:
– Desculpe-me Sr. Rato, eu entendo que isso seja um grande problema para o senhor, mas não me prejudica em nada, não me incomoda.
Então o rato foi até o Porco e disse:
– Há uma ratoeira na casa, uma ratoeira!
– Desculpe-me Sr. Rato, disse o porco, mas não há nada que eu possa fazer, a não ser orar. Fique tranqüilo que o Sr. Será lembrado nas minhas orações.
O rato dirigiu-se à Vaca. E ela lhe disse:
– O que? Uma ratoeira? Por acaso estou em perigo? Acho que não!
Então o rato voltou para casa abatido, para encarar a ratoeira. Naquela noite ouviu-se um barulho, como o da ratoeira pegando sua vítima.
A mulher do fazendeiro correu para ver o que havia pego.
No escuro, ela não viu que a ratoeira havia pego a cauda de uma cobra venenosa. E a cobra picou a mulher… O fazendeiro a levou imediatamente ao hospital. Ela voltou com febre.
Todo mundo sabe que para alimentar alguém com febre, nada melhor que uma canja de galinha. O fazendeiro pegou seu cutelo e foi providenciar o ingrediente principal. (a Galinha)
Como a doença da mulher continuava, os amigos e vizinhos vieram visitá-la.
Para alimentá-los, o fazendeiro matou o porco.
A mulher não melhorou e acabou morrendo.
Muita gente veio para o funeral. O fazendeiro então sacrificou a vaca, para alimentar todo aquele povo.

Moral da Estória: “Na próxima vez que você ouvir dizer que alguém está diante de um problema e acreditar que o problema não lhe diz respeito, lembre-se que quando há uma ratoeira na casa, toda fazenda corre risco. O problema de um é problema de todos.”

Publicado em Fábulas | Marcado com , , , | 1 Comentário

Humor como solução

O que aprendi com o vídeo

  • Mudar comportamento –  SORRIR
  • Faça ser divertido
  • Não puna quem faz errado, mais premiê quem faz certo
  • Se adapte ao jovens de hoje. O jovens são dispersos ou seu conteúdo é chato?
  • Solução idiota primeiro para descontrair.Não há ideias pior que já foram dadas. Dê asas a imaginação.
Publicado em Sem categoria | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Pare de sentir pena de você

Eu não quero estar aqui. Eu daria qualquer coisa para não estar aqui.
Para ter a vida que eu planejei, para ter tempo de perguntar “o que será de mim”
então você pode mudar, você pode superar.
Estou aqui agora. E você, você fez um parto hoje, então para de sentir pena de você

Será que ela serve para você também? Nem todos fizeram um parto, mais todos fazemos algo bom e não damos importante as coisas boas, só ficamos olhando os erros. Reclamando como as coisas são ruins. Que azar que, que sorte!

Publicado em Sem categoria | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Qual é a sua expectativa?

Featured imageSabemos que as pessoas são o grande diferencial de uma equipe e entendemos que elas também são as responsáveis pela conquista dos objetivos de uma organização. É preciso ter talentos na equipe, uma vez que a empresa que os tiver, entregará seus produtos/serviços com maior qualidade, seja no prazo, no produto em si e principalmente no atendimento que ainda é e será um fator decisivo para uma verdadeira parceria com os clientes internos e externos.

Se olharmos para o passado e não muito distante, perceberemos que o mundo e os conceitos mudaram. Antes se o foco era nos produtos/serviços, hoje ele está voltado para as pessoas, afinal elas são a magia de uma empresa e da vida em si.

Se tivermos, em nossas equipes, pessoas que acham que o mundo sempre vai ser igual, fatalmente elas passarão e a empresa ficará, porque as organizações desenvolvem-se em busca de mudanças e resultados. Quem não conseguir implantar decisões estratégicas, redução de custos, reengenharia de processos entre vários outros, certamente desaparecerá.

Precisamos atuar no mundo profissional e começar a projetar como será o nosso colaborador daqui há um, dois ou três anos, haja visto que a visão e a percepção estratégica de uma organização são fatores relacionados com as pessoas que compõem nossa equipe.

Por outro lado, temos que ter claramente definido o percurso a ser seguido pela empresa. E os colaboradores saberem que as pessoas são os executores de uma conquista. Um bom planejamento, o treinamento para o desenvolvimento da pessoa no ambiente profissional é necessário, para que eles entendam (de maneira global) qual o percurso que se utiliza para chegar aos resultados. Aqui vai uma deixa – todos realmente precisam ter consciência de qual é e como será o percurso.

Gostaria, neste instante, de pedir um momento de reflexão. A sua equipe é excelente? Quantos de nossos colaboradores são excelentes? Afinal, eles são as pessoas que conquistam um objetivo! Quem é você, no seu grupo? Veja bem, conquistar não é mais transpiração, mas uma INSPIRAÇÃO.

Quero com estes questionamentos criar uma “provocação” e levar o leitor a uma reflexão e fazê-lo colocar em prática: mudanças, atitudes, espírito empreendedor, bem como a criação de alternativas, para que cada membro da equipe seja bem sucedido.

Aqui não é um momento de julgamento, do que não foi realizado ou do que não está bom. É uma oportunidade de você ter orgulho do que já construiu e mais importante: do que você é capaz de construir com sua equipe. Afinal você pode e merece ser um profissional de sucesso, mesmo porque você faz parte de um grupo, onde todos precisam da participação efetiva de cada pessoa que está ao seu lado.

Afinal, não se ganha uma batalha sem se começar uma luta. Que tal começarmos o combate contra o mau humor, a falta de integração, a eliminação radical dos “NÃOS”! Você já verbalizou algum não hoje? Cuidado, pois isso pode ser ruim para quem recebe e pior ainda, para quem verbaliza.

Será que o que estamos realizando e produzindo hoje é o desejo ou expectativa dos que estão junto de nós: colaboradores, clientes, família ou nós mesmos?

Fonte: Mauro Benucci para o RH.com.br

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário